segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Definição de amor

Imagem Cedida por: www. thaligado.blogspot.com

Ele: Defina amor, para mim.

Ela: Amor: Afeição viva por alguém ou por alguma coisa… algo que nos marca e nos completa...do tipo...

Ele: Não, pare! espere um pouco!

Ela: Mas você não quer que eu defina amor? que foi?

Ele: Sim, mas eu quero que você defina amor com suas palavras. Seu tipo de amor, uma síntese.

Ela: Você. É a melhor definição.

Amar tudo-Fernando Pessoa


Amar tudo


Eu amo tudo o que foi
 

Tudo o que já não é
 

A dor que já não me dói
 

A antiga e errônea fé
 

O ontem que a dor deixou
 

O que deixou alegria
 

Só porque foi, e voou
 

E hoje é já outro dia.

Fernando Pessoa

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

DICA DE FILME: Antes do Entardecer


Excelente filme. 9 anos depois de seu primeiro encontro, eles se encontram por acaso em Paris. Fazem reflexões sobre a última vez que se viram.  ele, estava acabando de lançar seu livro, de como a conheceu em um trem indo para Viena na Áustria. 

Confesso que é um filme que se deve assistir mais de uma vez e a pessoa pode acabar se colocando no papel de um dos personagens. 

Escrevi um livro com uma história parecida, e se chama" Antes do Entardecer".

Super recomendado!

Uma nota

www.robert-block.de

Ela é mulher de falar pouco, mas quando fala, encanta. É mulher que não leva desaforos, mas quando leva, compra a briga, e ganha! É pontual, é atrevida, é despida de vergonhas, sabe o que fazer, como fazer e quando fazer. Ela lá, e eu cá só admirando quando os lábios dela se atreverem a encostar nos meus. 

Gabriela Giacomini.

Amor versus paixão


Sobre o autor



Administrador, Teólogo e Bacharel em Direito. Escritor, duas vezes pós graduado e blogueiro. Apologista da fé cristã, Pai, marido e apaixonado por livros. 

Escreve poemas, versos, livros, histórias e aprecia uma boa música.

Esse é Daniel F. Werneck Miranda. 

Bilhete

apsiquedoamor.blogspot.com
Se tu me amas, ama-me baixinho
 

Não o grites de cima dos telhados
 

Deixa em paz os passarinhos
 

Deixa em paz a mim!
 

Se me queres,
 

enfim,
 

tem de ser bem devagarinho, Amada,
 

que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...  

Mário Quintana

Um bom livro (e filme)



Muito bom. reflexivo, tenso, engraçado e surpreendente.